All Posts By Lucas Felix

Paixão segundo G.

by

Era madrugada de quarentena e eu não conseguia pregar o olho; quatro mg de clonazepam e nada. Percebi que algo estava acontecendo comigo. Havia um mistério em mim mesmo que eu precisava desvendar. De repente e, aos poucos, isso que eu não sabia o que era começou a se tornar algo. Algo profundo e bonito. ...

Relacionamentos em SP

by

Na cidade de são Paulo está cada vez mais difícil encontrar uma alma sensível a um relacionamento. Tudo é impeditivo: trabalho, trânsito, médico, faculdade, plano de carreira, desemprego, traumas com ex. E além destes motivos, o principal: cansaço, exaustão. Todos com uma mania de jogar esses joguinhos de amor. Ligo, não ligo. Enviar, mensagem, não ...

No tags 0

Para sempre o café

by

Psiquiatra, consulta extra. As coisas aqui dentro estão desconexas pra burro. Fazia tempo... E depois de muitas receitas e um longo papo com ele emedicações, tinha um solzinho tímido na calçada do tempo que o tempo preparou, na saída do hospital. Sentei numa muretinha e no fone, Rodrigo Alarcon cantava lindamente, "vem depressa que eu ...

No tags 1

Nuvens de Algodão

by

Quando podereamos sair por aí, livres… Sem preocupação? Quando os mundos vão se entender deixando de lado os egos inflados aprendidos na infância? O mundo é realmente mal? Eu pesquiso ou alguém me conta? Não sei. Para cada coisa triste, barbárie que vejo, também vejo coisas lindas das quais somos capazes como raça. E isso, isso, ...

No tags 0

Sexo bom, a gente não esquece

by

Garrafas de vinho, jazz, cigarros e mais cigarros. Uns fumavam maconha, outros cheiravam o pó sobre a mesinha de centro da sala. Tinha aquele casal que se beijava sem parar - acho que a onda deles era essa, se beijar. A vizinha de cima reclamava, a de baixo também, a gente não ligava. Você colocou alguma ...

No tags 2

Depois de amanhã, nunca.

by

Já estou dois quilos acima do que gosto de estar. Eu cozinho e como. Em seguida, penso o que farei para o jantar; para um diabético é fácil, nos alimentamos cinco e, às vezes, mais vezes ao dia. Minha endócrino na última consulta me disse: “Lucas, como você está ótimo!” É que ela não é ...

No tags 0

Melancolia não é tristeza

by

Lavo roupas quase todos os dias. Camisetas e bermudas, cuecas, que seja. Tirando o bom e necessário cozinhar, nada de especial. Hoje fiz aquela faxina na casa, não levei nem duas horas. É que eu só faxinei o que eu quis. Tudo começa a se tornar repetitivo, até a cara no espelho. Quando gravo meus vídeos, ...

Felix Fera

by

Felix Fera,  escreva sempre. Viva feliz. E deixe de deixar. Todos precisamos de pessoas verdadeiras.  Boa sorte, menino.  C.B. 2013 Quando me mudei para São Paulo criei um vinculo de amizade e, eu diria, de irmandade com a C.B., uma das gurias com quem dividi apartamento por um ano. Pouco depois de um ano ela partiu e eu não me ...

Não quero dizer “oi”.

by

Gal Costa e Zé Luiz compuseram uma canção chamada “Estrela, estrela” para o álbum “Fantasia”. O ano não me lembro e nem me interessou pesquisar; Gal é eterna. Coloquei o álbum para ouvir no Spotify, ainda não o tenho em CD (uma pena). Depois de ouvir todas as músicas, que são maravilhosas, por sinal, abri ...

Quer café?

by

Li alguma coisa da Tati Bernardi. Não sou muito fã de seu trabalho, mas reconheço todas as palavras que a levaram ao sucesso. Inclusive, gosto da postura dela quando assisto RODA VIVA. Mas quem sou eu na fila do pão para falar da Tati? Eu sou eu, oras… Mas na verdade, vim falar sobre a crônica ...